Ocorrências Policiais

Presos matam colega de cela e deixam mensagem para juiz

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Um detento foi morto na cidade de Barreiras, região oeste da Bahia, neste domingo, 20, e policiais encontraram um bilhete para um juiz que pode ter sido escrito com o sangue da vítima. Segundo informações do site Barreiras Notícias, Adailson Barbosa Vieira, 21 anos, conhecido como “Ceará Macumbeiro”, era acusado de diversos homicídios no município.

Ainda segundo o site, Adailson teria tido partes do corpo arrancadas, além de ser espancado e decapitado pelos companheiros de cela. A cadeia está com o número de 100 presos, quando a sua capacidade é para 33 pessoas.

No bilhete, estava escrito: “queremos nossos direitos, estamos com fome, cobal (termo usado para a prática em que os familiares levam comida, medicamentos e roupas para os detentos) e visitas toda semana”.

No final de outubro, outro caso foi registrado no mesmo local. Desta vez, a vítima foi Ângelo Cássio Araújo, 40 anos, segundo o site Barreiras Notícias. No corpo da vítima, havia uma mensagem que dizia: “solta Gabriel”, que seria o nome do juiz da vara crime da cidade.

Presos teriam escrito mensagem com sangue (Foto:Divulgação | Polícia Civil)