Esportes

Neymar se despede de colegas e comunica o Barcelona que vai para o PSG

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Neymar se despede de colegas e comunica o Barcelona que vai para o PSG

O Barcelona confirmou na manhã desta quarta-feira (2) que o atacante Neymar informou ao clube o seu desejo de deixar o clube catalão, abrindo caminho para o brasileiro acertar a sua milionária transferência para o Paris Saint-Germain, algo que agora está muito próximo de se concretizar. O anúncio do seu desejo de saída se deu em uma reunião com dirigentes do clube, seu pai e representante.

O clube da capital francesa teria prometido dobrar o salário atual do astro, o que lhe renderia 30 milhões de euros anuais (cerca de R$ 110 milhões), e ainda desembolsar o valor da multa rescisória de contrato, de 222 milhões de euros (aproximadamente R$ 812 milhões), para tirá-lo da equipe catalã.

Caso a transação se confirme, a venda de Neymar se tornará a maior negociação da história do futebol, superando os 105 milhões de euros (R$ 388 milhões, na cotação atual) pagos pelo Manchester United no ano passado para a Juventus pelo francês Paul Pogba. Porém, tanto o presidente do Barcelona, Josep Bartomeu, como o da liga espanhola, adiantaram que estudam acionar a Uefa por considerarem que a transação viola as regras de fair-play financeiro da entidade.

“O jogador Neymar Jr., acompanhado de seu pai e empresário, comunicou o FC Barcelona nesta manhã sua decisão de deixar a entidade, em reunião realizada na sede do clube. Tendo em conta este posicionamento, o clube informou-lhes sobre a cláusula de rescisão do seu contrato em vigor, que desde 1º de julho é de 222 milhões de euros e que deve ser pago na sua totalidade”, afirmou o Barcelona em um comunicado oficial.

O atacante se apresentou nesta manhã na Cidade Esportiva Joan Gamper, onde ocorrem os treinos do clube, mas nem participou das atividades, deixando o local após cerca de meia hora. Ele foi visto saindo do centro de treinamentos por volta das 10 horas locais (5 horas em Brasília).

O Barcelona destaca que Neymar ainda está sob contrato com o clube, embora tenha recebido a liberação para não participar mais dos treinamentos no time catalão. “O jogador continua com contrato vigente com o FC Barcelona, mas com a permissão temporária para não participar de sessões de treinamento”, acrescentou o time catalão.

Neymar, de 25 anos, chegou ao Barcelona em junho de 2013, adquirido junto ao Santos, em uma transação que provocou problemas na Justiça para o clube em função da suposta ocultação de parte do valor pago na negociação, o que inclusive provocou a queda do então presidente Sandro Rosell – a informação inicial era de que o time havia desembolsado 57 milhões de euros (R$ 211 milhões), mas o valor total foi de 83,3 milhões de euros (R$ 308,1 milhões). Recentemente, em outubro de 2016, o clube catalão anunciou a ampliação do contrato do atacante brasileiro, que passou a ser válido até o término da temporada 2020/2021.

Nesse período, o atacante brasileiro disputou 186 jogos, marcou 105 gols e deu 59 assistências. No total, foram dez títulos conquistados: uma Liga dos Campeões, dois Campeonatos Espanhóis, três Copas do Rei, um Mundial de Clubes, uma Supercopa da Europa e duas Supercopas da Espanha. E uma das suas atuações memoráveis foi exatamente diante do PSG, na última edição da Liga dos Campeões, em março, quando marcou dois gols e deu duas assistências na goleada por 6×1, resultado que classificou o time às quartas de final da Liga dos Campeões.