Notícias

Morador de rua é encontrado morto na marginal Tietê, em São Paulo

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Número de corpos encontrados nas ruas do Estado de São Paulo chega a sete: quatro na capital paulista, um na região do ABC e dois no interior

O corpo de mais um morador de rua foi encontrado, no acostamento da marginal Tietê, próximo à Ponte Nordestino, na zona norte de São Paulo, na noite desta segunda-feira (8).

De acordo com a Polícia Militar, os agentes foram acionados por volta de 19h por uma pessoa que passou pelo local e viu o homem desacordado. No endereço indicado, encontraram um homem, com aproximadamente 50 anos, descalço, usando uma bermuda e camiseta azul da seleção brasileira, já morto.

O corpo não apresenta nenhum sinal de agressão e não estava com documentos de identidade, informou a corporação. O caso foi registrado no 73º DP (Jaçanã).

Casos

As baixas temperaturas que atingem o Estado de São Paulo desde a madrugada de sexta-feira (5) podem ter causado a morte de pelo menos outros seis moradores de rua.

Na manhã de sexta (5), um morador de rua foi encontrado sem vida dentro do Terminal de Ônibus da Barra Funda, na zona oeste da cidade. Segundo o Metrô de São Paulo, agentes de segurança realizavam ronda quando encontraram o corpo de Gabriel Leguthe Laffot, de 22 anos, nos arredores.

O corpo de outro morador de rua foi encontrado na rua Doutor Pacheco e Silva, no Canindé, zona central da capital, às 14h44 de sexta-feira (05). De acordo com o Centro de Operações da Polícia Militar, o corpo foi encontrado sem sinais de agressão.

No sábado (6), o corpo do morador de rua Thiago da Silva Custódio foi encontrado na rua Professor Leonídio Alegrete, em Itaquera, na ona leste da capital. De acordo com o Centro de Operações da Polícia Militar, a vítima foi encontrada arroxeada.

Em Santo André, na região do ABC Paulista, um homem foi encontrado morto, na manhã de domingo (7). Ainda não identificado, o corpo de Julio Cesar Ribeiro Junior, de 35 anos, estava debaixo de uma marquise, na rua Almada, no bairro Parque Novo Oratório, em frente a um posto de saúde.

No interior do Estado, o corpo de uma moradora de rua de 43 anos foi encontrado morto, por volta de 8h, no domingo (7), em Assis. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) compareceu ao local e constatou o óbito de Rosilda Maria Barreto.

Em Echaporã, também no interior do Estado de São Paulo, um homem de 41 anos foi encontrado morto em uma casinha de madeira no domingo (7). A temperatura na cidade chegou a 4,1° C.

População

A população também pode ajudar as pessoas em situação de rua solicitando uma abordagem social por meio da CPAS, que funciona 24 horas por dia e pode ser acionada pela Central 156.

A solicitação pode ser anônima, mas é importante ter informações para facilitar a identificação, na hora da ajuda. O endereço da via em que a pessoa em situação de rua está (o número pode ser aproximado); citar pontos de referência; características físicas e detalhes de como a pessoa a ser abordada está vestida.

*Com informações da Agência Estado