Itaberaba

Itaberaba recebe projeto que visa levar ensinamentos sobre hortas urbanas nesta sexta-feira (11)

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

“A Tenda o Verde” já percorreu 17 cidades baianas disseminando a ideia de transformar espaços urbanos em hortas.

Em meio ao concreto da cidade grande, muros e prédios, um terreno ocioso ou baldio pode trazer um respiro de uma vida mais saudável e sustentável através das hortas urbanas. Essa é a ideia principal que o projeto “A Tenda o Verde” visa levar para a comunidade: a possibilidade de transformar espaços urbanos em hortas. E nesta sexta-feira (11), às 9 horas, Itaberaba será o próximo local a receber as instruções para a implantação dessa ideia, na Praça do Coqueiro.

Na ocasião, além das orientações de como implantar uma horta, serão distribuídas sementes de hortaliças e mudas de várias espécies como incentivo à plantação.

Pensado pela FVHD, o projeto já aportou em 17 cidades baianas além da capital, sendo elas: Salvador, Simões Filho, Camaçari, Vitória da Conquista, Jequié, Feira de Santana, Ilhéus, Itabuna, Jacobina, Irecê, Juazeiro, Valença, Santo Antônio de Jesus, Alagoinhas, Candeias, Dom Macedo Costa e Morro de São Paulo. “Durante as nossas viagens, levaremos conhecimentos básicos e instruções para a criação e desenvolvimento de uma horta na comunidade, no quintal, no condomínio, onde houver um espaço, além de dicas e sugestões”.

“A Tenda o Verde” vai apresentar técnicas referentes à produção de hortaliças, desde a escolha do local de plantio, do substrato, das espécies hortícolas a serem cultivadas, bem como a determinação da época de plantio, dos cuidados a serem tomados com o preparo do solo, com a fertilização orgânica e mineral natural, e o emprego dos tratos culturais e durante a colheita. Segundo a FVHD, o objetivo do projeto é incentivar a sociedade a transformar espaços urbanos em hortas e tornar a relação da comunidade com o bairro e seu entorno mais prazerosa.

Alface, hortelã, couve, coentro, cebolinha, frutas, como maracujá, mamão e melancia; legumes, como abóbora, beterraba, quiabo e jiló; além de plantas medicinais, como boldo, capim-santo, erva-cidreira e babosa são algumas das possibilidades que uma horta pode oferecer para uma alimentação mais saudável e orgânica para a comunidade. Isso sem contar com o fator econômico e a oportunidade do aprendizado do trabalho em grupo e maior contato com a natureza.

SERVIÇO

O que: Projeto “A Tenda o Verde”

Quando: Sexta-Feira, 11 de outubro de 2019, às 9 horas.

Onde: Praça do Coqueiro / Itaberaba-Ba