Itaberaba

Estudantes da rede municipal mostram trabalhos do primeiro semestre durante evento

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Visando fomentar boas práticas de gestão nas escolas, a Secretaria Municipal de Educação realizou o evento do projeto ‘Educação em Destaque’ nas escolas da sede do município na última segunda-feira (31). Esse projeto foi lançado antes de começar o ano letivo, durante a Jornada Pedagógica realizada em Itaberaba, cidade da Chapada Diamantina. No dia 28 de julho foi dado o início da divulgação dos resultados do primeiro semestre, tendo como ponto de partida a apresentação dos alunos das escolas da zona rural do município.

Uma das escolas municipais que se destacou na culminância do projeto ‘Educação em Destaque’ foi a Aloísio Sampaio, do bairro Açude Novo, que reuniu alunos, pais, professores, coordenadora e diretora para apresentação de tudo que foi desenvolvido no primeiro semestre em sala de aula. Durante o evento houve apresentações dos alunos inclusive, uma roda de capoeira protagonizada pelos alunos do projeto ‘Mais Educação’, além, de exposição de todos os trabalhos realizados pelos alunos do 1º, 2º e 3º ano. No stand ‘O Que Itaberaba Tem’ a cultura do abacaxi esteve em destaque, junto com a memória arquitetônica da cidade e até uma horta desenvolvida no quintal da escola com os alunos dentro de um projeto de Educação Ambiental Sustentável.

Durante o evento, houve apresentação de uma Roda de Capoeira com as crianças beneficiadas pelo Projeto Mais Educação | FOTO: Jornal da Chapada |

“Nossas crianças são multiplicadoras de tudo que aprendem na escola e por isso, nesse semestre, dentro do projeto ‘Educação em Destaque’, da Secretaria Municipal de Educação, desenvolvemos vários projetos, inclusive, pegamos o gancho da campanha da prefeitura ‘Itaberaba Mais Limpa’ e realizamos uma ação de limpeza do meio ambiente envolvendo os alunos e toda comunidade do entorno da escola, com a conscientização para o descarte do lixo doméstico”, ressaltou a coordenadora pedagógica da Escola Aloísio Sampaio, Rosemary Pereira.

“Observe que em nossa exposição está em destaque um livro de fábulas que foi todo confeccionado pelos nossos alunos nas aulas de Língua Portuguesa e de Educação Artística. Nesse livro as crianças recontam algumas fábulas infantis como a da ‘Cigarra e a Formiga’, de La Fontaine, e nós, os professores, fomos os escribas”, destacou a professora Luciana dos Santos Lopes, da turma do 2º ano A. Durante o evento a Escola recebeu a visita de uma equipe da Secretaria Municipal de Educação, composta pela coordenadora de Educação no Campo, Jucilândia Brito, e pelas técnicas Ana Cláudia Sampaio, Idinéia Pinto Mascarenhas e Claudinéia Barbosa, que acompanhou todas as atividades de culminância do Projeto.

“Hoje estamos aqui para avaliar a divulgação dos trabalhos desenvolvidos pela Escola Aloísio Sampaio durante o primeiro semestre. Essa maratona começou na última sexta (28) nas escolas da zona rural. E o balanço que fazemos é muito positivo, podemos perceber pelos materiais expostos e produzidos pela crianças que elas atenderam as metas curriculares”, declarou Jucilândia. Vale salientar que os alunos da Escola Aloísio Sampaio possuem merenda escolar de boa qualidade todos os dias, e que a instituição já aderiu ao Programa ‘Mais Educação’ e dispõe de 10 professoras sob a direção de Ronildes Lima.