dentista-aparelho-implante-canal-dente-clinica-ortodontia-itaberaba-noticias-gardel-costa

Siga ITABERABA nas redes sociais


 
Educação

Estudante de medicina da Uesb é expulsa e condenada por fraude no sistema de cotas

Para participar da concorrência de reserva de vagas para quilombolas da universidade a estudante apresentou uma declaração falsa de endereço.

Maiara Aparecida Oliveira, de 26 anos, estudante de medicina que foi condenada a dois anos de prisão por fraudar o sistema de cotas foi expulsa da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), na cidade de Vitória da Conquista, conforme decisão que foi publicada no Diário Oficial da última sexta-feira (10).

Para participar da concorrência de reserva de vagas para quilombolas da universidade a estudante apresentou uma declaração falsa de endereço.

Ingressou na universidade no ano de 2013, segundo fo Ministério Público da Bahia (MP-BA). O cancelamento de Maiara aconteceu porque foi justificado que ela praticou falsidade ideológica no ato de realização da matrícula e este fato para a instituição é considerado como improbidade.

A estudante apresentou uma declaração assinada pelo presidente da Associação Comunitária que comprovava que ela morava na comunidade quilombola de Rocinha, na zona rural do município de Livramento de Nossa Senhora.

A promotora disse que Maiara nasceu na zona rural, mas não em terras quilombolas. Maiara atualmente residia no centro do município de Livramento de Nossa Senhora.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.