Brasil

Esposa de Joesley deixa casa em bairro nobre de SP

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

São Paulo – A jornalista Ticiana Villas Boas, esposa de Joesley Batista, deixou a casa do casal no bairro do Jardim Europa, em São Paulo. Ela saiu da casa dirigindo um Porsche e não falou com a imprensa no local, mas há informações de que ela saiu em direção à casa do pai de Joesley.

O carro de Ticiana foi o terceiro a deixar a residência neste domingo. Mais cedo, um carro com uma criança e outro dirigido por uma mulher haviam deixado o local. Um deles chegou na casa do pai de Joesley, que fica em região próxima da Avenida Paulista. Ainda não há a confirmação se Joesley está em sua casa ou no imóvel do pai.

Vizinhos do empresário Joesley Batista têm apoiado a prisão do dono da J&F. A rua arborizada e de grandes casas é a rota de motoristas e pessoas que se exercitam ou passeiam com cachorros. Após a notícia desta manhã de que o pedido de prisão de Joesley foi aceito pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), a maioria dos frequentadores do bairro expressou apoio à prisão.

Diante da presença da imprensa em frente à residência, os moradores que passam gritam mensagens de protesto. “Cadeia!”, disse um senhor que não se identificou. Outra vizinha de uma rua próxima disse apoiar o trabalho dos jornalistas: “Gostaria muito que vocês filmassem ele sendo preso”. “Pega Ladrão”, disse outro.

Joesley Batista e Ricardo Saud se entregam à polícia