Notícias

Adolescentes não percebem que estão acima do peso

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Adolescentes acima do peso possuem maior probabilidade de se tornarem adultos obesos, o que aumenta o risco de uma série de doenças, entre elas o câncer.
Adolescentes acima do peso possuem maior probabilidade de se tornarem adultos obesos, o que aumenta o risco de uma série de doenças, entre elas o câncer.

 

Mais de um terço dos adolescentes com obesidade e sobrepeso não percebem que enfrentam problemas com a balança. É o que mostra um estudo publicado na última edição da revista científica International Journal of Obesity.

Para o estudo, os pesquisadores utilizaram dados de 5 000 jovens com idades entre 13 e 15 anos. Os voluntários foram questionados sobre quanto pesavam e qual a percepção em relação ao próprio peso: se estavam acima do peso, no peso ideal ou se sentiam-se magros demais. Os pesquisadores então confrontaram as respostas com o índice de massa corporal (IMC) para ver se a realidade coincidia com a percepção de cada um sobre a aparência. Do total, 73% dos adolescentes tinham IMC normal, 20% se enquadravam na categoria de sobrepeso e 8% eram obesos.

O estudo mostrou que oito em cada dez adolescentes com peso considerado saudável se classificaram da forma real. De acordo com a pesquisa, 7% dos jovens deste grupo acreditavam estar acima do peso e 10% se classificaram como ‘magros demais’. “Os resultados do estudo possuem lados positivos e negativos. Jovens que acreditam estar acima do peso podem desenvolver transtornos alimentares terríveis. Por isso, é bom ver que a maioria dos adolescentes com peso normal têm uma visão realística sobre o tamanho do próprio corpo”, diz a autora do estudo Jane Wardle, do Centro de Pesquisa de Saúde e Comportamento da Universidade College London, na Inglaterra. “Por outro lado, nós precisamos pensar em fórmulas efetivas de ajudar adolescentes acima do peso a emagrecer e manter o peso saudável”, afirma.

Sabe-se que adolescentes acima do peso possuem maior probabilidade de se tornarem adultos obesos, o que aumenta o risco de uma série de doenças, entre elas o câncer.

 

Fonte: Veja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.