Notícias

Adolescente é baleada por colega dentro de colégio em Ipiaú

A ODONTOLÓGICA é a principal Clínica da Chapada Diamantina. Atende as regiões de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim, Ruy Barbosa, Itaetê, Marcionílio Souza, Wagner, Utinga, Lençóis, Andaraí, Nova Redenção, Lajedinho, Ibiquera. Realiza atendimentos com especialistas em odontologia nas áreas de ortodontia, implantes, cirurgia, endodontia (tratamento de canal), odontopediatria, restaurações, periodontia, laserterapia, estética. Procedimentos Realizados: Restaurações, Estética, Periodontia, Tratamento de canal, Ortodontia, Aparelho ortodôntico, Extrações, Profilaxia, Remoção de tártaro, Implante, Enxerto ósseo, Levantamento de seio maxilar, Implantes Carga Imediata. Dr. Gardel Costa é Doutorando, Mestre e Especialista em Implantes, Especialista em Ortodontia, pós-graduado pela New York University.

Uma estudante de 16 anos foi baleada dentro do colégio em Ipiaú, no sul do estado, nesta terça-feira, 4. Um outro aluno, Micael Gomes dos Santos, 18 anos, é apontado com autor do disparo.

De acordo com a 55º Companhia Independente da Polícia Militar, o rapaz chamou a jovem para um local afastado dos outros estudantes dentro do Colégio Estadual de Ipiaú e efetuou o disparo.

A garota foi atingida na região da boca. Ela foi levada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Geral de Ipiaú e depois transferida para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié.

De acordo com o diretor do colégio, José Carlos Ribeiro, o quadro dela é estável.

Motivo

Ribeiro disse que a motivação do crime é um mistério para os funcionários do colégio, já que Micael era considerado “um aluno aparentemente tranquilo”. Não há relato de brigas envolvendo o estudante, nem a vítima.

“Ele simplesmente brincou e disparou”, disse Ribeiro, sem descartar a possibilidade de um tiro acidental.

Policiais militares disseram que Micael não tem passagem pela polícia. Ele estudava no período da noite e teria ido para a escola nesta manhã, procurando a jovem durante o intervalo.

“Ele chamou ela no fundo para contar algo e efetuou os disparos”, disse um policial militar. Micael fugiu em seguida e é procurado pela polícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.